Procurei-te

Procurei-te no tempo
No sussurrar do vento
Nas cores que vestem os dias.
Procurei-te sem descansar
Amando-te só por amar
Amor que nos teus olhos trazias.

Procurei-te em ti e em mim
Nas cores que nascem no peito
Melodias cantadas sem fim.
Alguns frutos dos pensamentos
Dobraram meus ais e lamentos
Desamor não quero nem aceito

Procurei -te nas noites tardias
Quando o frio arranjava lugar
Convencido que ainda verias
Tanta força que tenho de amar.
As estrelas logo me disseram
Desse amor já outros penaram.

Luíscoelho

(sugiro que visitem o blogue
do autor deste poema
http://luisrcoelhohotmailcom.blogspot.com.



Autor: sinfoniaesol

Viver é o mais importante de tudo e se for com amizade, amor e saúde, que mais pedir?Viva a Vida!!!

4 opiniões sobre “Procurei-te”

  1. Olá Manuela
    Obrigado por esse carinho de me publicar no seu espaço e ainda um convite a que mais me visitem.

    Esta já é a terceira vez que coloco uma foto que sempre e misteriosamente desaparece.

    São rosas do nosso jardim e faço a publicação com o editor do Picasa.

    Apesar de já ficar com uma apresentação torcida é tudo quanto sei fazer.

    Este poema andou em bolandas durante mais de um mês. As ideias não saíam a gosto nem com gosto. A arte é coisa que nem sempre está comigo. Para não sofrer mais alterações seguiu assim mesmo.

    Vou procurar arrumar a casa e fazer uma formatação ao computador dado que está a precisar.

    Espero que por aí esteja tudo bem e com aquela coragem que nem sempre vimos colada no rosto de que precisa dela.

    Beijinhos cá de casa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s