DESEJOS…(gentilmente cedido por Cezarina Devos Macedo artista plástica)

Ser como o vento
é meu desejo…
Nuvens e mares encrespar,
cruzar o firmamento,
na louca inquietação
de ser poeta
e nada ser…

Guirlandas de pétalas tecer
nas campinas estendidas, pôr dentro das conchas
o ruido do mar…
Perfumar de rosas
todos os caminhos.
E passar!

Ó Brisa Zíngara, de asas transparentes
irriquieta e suave
a sussurrar cantigas…

Deixa-me ser tua irmã!
Deixa-me reter tua essência perfumada
e o mistério das noites de verão,
no fundo dos meus olhos deslumbrados!

Quero ser vento,
perpétuo movimento,
murmúrios, ecos nos vales…
Mistério, nuvem que passa,
contínua e eterna mutação!

Cezarina Macedo/fev.2011.

sugiro uma visita ao seu blogue:

http://cezarina.blogspot.com