chegando ao fim o ano de 2011

Dizem que se deve deitar fora tudo o que já não interessar…

Dizem que ano novo vida nova…

Mas será que é assim? Será que ao deitar fora x coisa agora não
nos vírá a fazer falta numa outra altura do próximo ano ou seguintes?

Pessoalmente sou para aí uns 50% conservadora…portanto tenho dificuldade
em me separar das minhas coisas, até porque todas as que tenho foram fruto
de muito trabalho meu e de meu marido…

E em relação às pessoas que nos possam ter desiludido muito em 2011 também
as deveremos colocar definitivamente de parte?

……………………………………………………………………..

Também (em pensamento se diz: ano novo/vida nova) mas será que com a tal crise
teremos a possibilidade de refazer tudo de novo?

Eu, como qualquer outra pessoa(penso) tenho ideias de coisas que gostaria de
modificar, de inverter, de renovar, de reiventar até…mas será que o 2012 é
propício a tal?

Eu sei que na noite do dia 31 de Dezembro às 00 horas se passa para o dia 01 de
Janeiro de 2012(na folha do calendário) é mais fácil…não posso pegar em toda
a minha vida de 2011 colocar nuns sacos de lixo e mandar para os contentores…

Muda a folha do calendário, eu posso ter ideias de alterações que gostaria de
concretizar, mas na passagem da folha do calendário, eu fico igual.