A noite me invade…da poetisa ROSA MARIA(madrinha deste blogue)

noite<

A noite me invade…me assombra…despindo-me o amor da pele
Vestindo-me de segredos e medos…cravando-me de espinhos
Dentro de mim profundos abismos…desfeitos sonhos de papel
A noite me invade…e nela corre livre a dor do meu caminho

A noite me invade e nela jaz o meu corpo só e amordaçado
Vagando à beira do precipicio entre a luz e a sombra…morto
Num voo sem rumo…gaivota sem mar…um barco naufragado
A noite me invade…num mar revolto…num cais sem porto

A noite me invade…negro espaço no tempo que me rasga
Que me queima…que me doi…que me solta e me prende
Deixa-me nua…devora-me a carne que me cobre a alma
A noite me invade e o meu pobre corpo ao cansaço se rende

A noite me invade…o meu corpo anoitece…o meu leito arrefece
Parto de mim…ausente da vida…jazendo no chão dos meus passos
Sem rumo e sem norte…no olhar o silêncio…nos lábios uma prece
A noite me invade…calma e tristemente a escorrer dos meus braços

A noite me invade…a ternura fez-se dor…o amor fez-se o vazio
Num poema sem rima…num verso sem cor…num rosto sem vida
Num tempo sem tempo…num olhar sem luz…tão triste e tão frio
A noite me invade…a escuridão me cobre…o chão me dá guarida

A noite me invade…nuvem negra que me embala docemente
Num céu sem estrelas…num infinito sem luz…abismo sem fim
O vento fez-se tempestade…arrastando o meu corpo lentamente
A noite me invade…acordando os fantasmas que vivem em mim

Escrito por: RosaMaria

(retirado,com autorização, da sua
página de Facebook)

(obrigada Anabela de Araujo)

Autor: sinfoniaesol

Viver é o mais importante de tudo e se for com amizade, amor e saúde, que mais pedir?Viva a Vida!!!

9 opiniões sobre “A noite me invade…da poetisa ROSA MARIA(madrinha deste blogue)”

  1. Querida Amiga

    A Rosa Maria “fala” , sofre e vive com Alma.
    Quando se nos anoitece o peito, a dor e o Amor confundem-se, misturam-se na doçura ou no fel.
    Uma bela Homenagem.
    Parabéns a ambas.

    Beijos

    SOL

  2. Olá, irene!
    O vazio da noite, preenchido por sofridos pensamentos.Lindíssimo poema, na sua beleza triste…

    Beijinhos; bom resto de semana.
    Vitor

  3. Minha querida
    Obrigada pelo carinho de partilhares as minhas palavras, sabes que é sempre um prazer imenso estar aqui.
    Quero também agradecer às amigas e amigos que comentaram.Obrigada pelas lindas palavras.
    Um beijinho com carinho
    RosaMaria

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s