SER CRIANÇA

gato

Ser adulto…feito criança!…
É como viver lado a lado com a esperança….
Ter a ingenuidade
De acreditar que a Vida à nossa volta
Pode girar
Sempre…e só…
Em torno da verdade…

É aceitar os enganos …
Sem qualquer revolta.

É perdoar muitos danos…
E com ou sem razão
Numa mistura de compaixão
Nunca querer magoar
De uma forma intencional…

É ser generoso!…

E saudoso
De tudo que é passado…
Mas aceitar conviver com o presente
Sem olhar ao bem… ou ao mal…
Nem a ele se sentir obrigado…

E até na guerra do Amor
Entre o Homem e a Mulher
É lutar…sem uma qualquer condição …
Uma sequer!

E no entanto…ainda que verdade
A observação dá-nos a certeza
De que nunca é igual …
A ser criança na idade!…

Pois quando um adulto pensa…
Falta-lhe a pureza
E a imensa ingenuidade
De quando era criança
E até acreditava…
Que todos os “meninos”… vinham de França…

E assim… aconteceu com o pecado original ! …
( ah… como eu queria voltar a ser criança!…)

Manuel Sepúlveda*

(retirado,com autorização,
da página do Facebook de
Anabela de Araújo)