Governo decidiu hoje…

finançasO Governo abdicou de “receber o último reembolso do programa” por não querer solicitar “uma nova extensão que reabrisse o programa com a ‘troika'”, anunciou esta quinta-feira a ministra das Finanças.

Depois da reunião do Conselho de Ministros, Maria Luís Albuquerque, em conferência de imprensa, indicou que o Governo aprovou cortes idênticos aos aplicados pelo Governo de José Sócrates.

Ou seja: serão reintroduzidos temporariamente os cortes entre 3,5% e 10% aplicados aos salários do sector público superiores a 1500 euros introduzidos em 2011 e que vigoraram até 2013.

A proposta de lei aprovada “vem repor as percentagens e os limites da redução aprovados pelo Governo anterior, por força da situação de crise e défice excessivo”, diz o comunicado do Conselho de Ministros.

No Orçamento do Estado para 2014, o Governo substituiu os cortes de Sócrates por reduções entre 2,5% e 10% aplicados aos salários do sector público a partir dos 675 euros. Mas, no dia 30 de Maio, foram declarados inconstitucionais pelo Tribunal Constitucional.

Autor: sinfoniaesol

A vida deve ser vivida intensamente. Sempre foi esse o meu lema.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s