CAOS… de Ângelo Gomes (cedido pelo seu autor)

CAOS…

Tanto mar para tão pequeno barco
Tanto campo para tão pouca plantação
Tanto alarido por se pisar um reduzido charco
Uma vida cheia que cabe só num coração
Um caos de dimensões que nos ultrapassam
Palavras tamanhas que nem entram nos preçários
Perdas de tempo que nos irritam e cansam
Em corridas estúpidas para os dicionários
Caos de pensamentos loucos, desvairados
Folgas mentais que nos reduzem vida
Desejos absurdos que nunca nos deixam saciados
Obesos que se enchem e veem outros procurar comida
Estradas enormes cheias de ar e vento
Densas florestas interditas ao ser humano
Aviões que sobrevooam espaço aberto e lento
Reacções de gente a roçar o insano
Músicas aos milhares e de várias tramas
Visões secretas de quem já julgavas morto
Um mundo sem dimensão que amas e desamas
Caos dimensional para tão pequeno corpo

ÂNGELO GOMES – 21-06-2014 – 20h25

(podem ver mais na sua página do Facebook)vivas11

Autor: sinfoniaesol

A vida deve ser vivida intensamente. Sempre foi esse o meu lema.

1 thought on “CAOS… de Ângelo Gomes (cedido pelo seu autor)”

  1. poesia belíssima e cheia de sentido. obrigado ao autor e e a quem ma fez chegar tão gentilmente! Bom domingo com beijos coloridos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s