Ser Feliz, é possível? – Celito Medeiros

12790866_10153455687858527_1925539060248897365_n(pintura de Celito deMedeiros)

Já ouvimos muito a respeito de pessoas que possuem muito dinheiro e, ainda assim, são infelizes. Vemos pessoas que trabalham a vida toda para se aposentar e depois, estão felizes?
Infelizmente não. Sentam-se lá, pensando sobre os bons tempos em que trabalhavam duro.

O mundo pode ou não ser destinado a sermos felizes. Pode não ser possível para você ser feliz neste mundo e, no entanto, quase todos nós temos a meta de ser felizes e contentes a respeito da vida.

Olhamos para os pratos sujos na pia, para o carro precisando de pintura ou simplesmente gostaríamos de novos sapatos; e assim, como alguém possivelmente poderia ser feliz quando, na verdade, não pode ter tudo o que deseja.
É incapaz de fazer todas as coisas que gostaria de fazer e, portanto, este ambiente não permite a uma pessoa ser tão feliz quanto poderia ser, é o que pensa.

Você está fazendo a Vida ou a vida está fazendo Você ?
Algum fracasso, algum pequeno fracasso, talvez não conseguido realizar alguma coisa…

O Ser Humano já compreende agora grande quantidade de coisas sobre o universo em que vive, as quais não podia entender antes.
Consiste em pessoas tornarem-se boas, quando estavam doentes, doentes até ditas “incuráveis” mentalmente.
Consiste de pessoas que eram infelizes, tornando-se felizes novamente.

Sim, precisamos de fé, de sonhos, de metas, de esperança e confiança, mas especialmente de atitudes ‘para dar a volta por cima’. Dê sua mão aos que necessitarem e, quando você precisar, é possível que também alguém lhe dê a mão.

 

Autor: sinfoniaesol

A vida deve ser vivida intensamente. Sempre foi esse o meu lema.

2 thoughts on “Ser Feliz, é possível? – Celito Medeiros”

  1. É impossivel essa ideia de plena felicidade? O que será isso? Creio que há o sentirmo-nos hoje mais tristes, amanhã mais alegres pq as coisas correram melhor, hoje sentirmo-nos orgulhosas e com o coração pulando pq fizemos algo de bom. Tive uma noticia má. …alguém amado que se foi ou que sofre e estamos muito em baixo. Penso que usamos o termo felicidade de uma maneira errada e se eu disser :Sou uma pessoa muito feliz” creio que estou a ser exagerada; por mais saúde que tenha, por melhor que tudo corra aos que amo, por nada material me faltar há momentos em que me sinto a mais triste das pessoas. Temos sim momentos felizes, mais nada. Tenho um livro da Marta Medeiros que ainda não li e cujo titulo é Ser feliz por nada. É isso , a tal da felicidade é um sentimento e tem
    de ser sentida e nao conseguida atraves dist ou daquilo, deste ou daquele. Irene, obrigada pela partilha e um beijinho
    Emilia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s