Fonte: Obvious

INFLEXÕES MUNDANAS E BRASIL!

publicado em sociedade por Pedro Magyar
.

Pincelando fatos históricos pontuais, percebe-se que aqueles que trouxeram inflexões no caminhar foram os que, pelo menos, representaram resistência, conflito, pancadaria e morte! E o que vai ser para o Brasil?

brasil

Ano 33 d.C., a opressão do império Romano ecoava pelo mundo, sufragando a vida de diversos povos e culturas que se viam dominados pela força. Na Judéia, ganha envergadura um movimento religioso que desfazia toda a concepção de dominação e pregava uma guinada, para que houvesse uma efetiva libertação, não dos Romanos, mas do mundo como se conhecia à época. Alguns mortos e um crucificado, onde ressoa as crenças ali soerguidas até hoje.
b2

04 de julho de 1776, o Congresso da Filadélfia declara independência das treze colônias britânicas no novo mundo, iniciando uma guerra com o Reino Unido que durou, aproximadamente, sete anos. George Washington, fazendeiro, é conclamado general do exército continental, grupamento de peregrinos e colonizadores que se uniram para combater os casacas vermelhas, exército mais bem treinado à época. Foram mais de cinquenta mil mortos de ambos os lados, resultando na independência da colônia.
b4

b3

14 de julho de 1789, o populacho revestido de ira, alertados da situação precária em que o reino vivia, com o massacre diuturno das classes mais pobres e festas pomposas dos nobres, invadiu a Bastilha, prisão-castelo símbolo da opressão monárquica, instaurando uma revolta que perduraria por dez anos. O rei foi decapitado, um dos líderes rebeldes também (por eles mesmos), e mais de cinco mil mortes conduziram a França à adoção de uma nova forma de governo.
b4
14 de agosto de 1791, Dutty Boukman, sacerdote vodu e líder de quilombos, desencadeia uma revolta de negros escravizados na ilha de Saint-Domingue (atual Haiti), colônia francesa, a qual possuía grandes latifúndios que se utilizavam de mão de obra escrava para produzir açúcar e café. Pouco mais de quatro mil homens brancos foram executados e 160 engenhos completamente destruídos. Foi declarada a extinção da escravidão na ilha em 1792, com a abertura de eleição de representantes negros na Assembléia Legislativa francesa. Em 1794, François-Dominique Toussaint Louverture, general negro, autodidata, filho de escravos, expulsou, com um exército de ex-escravos, Espanhóis e Ingleses que tentaram tomar o território para si, se autonomeando governador e declarando a autonomia da ilha. Os franceses, de Napoleão, tentaram retomar a posse, sem sucesso. Nascia mais um país independente na América.

b5
15 de março de 1917, um conjunto de forças reunidas em prol de um objetivo comum, lideradas por Vladimir Lênin, derruba o Czar Nicolau II, tomando o poder na Rússia e conduzindo o país a uma guerra civil a qual perdurou até 1921, quando foi estabelecido o governo socialista e, em 1922, criada a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas. Não se tem o cálculo do número de mortes.

07 de setembro de 1927, Mao Tse Tung lidera uma revolta de camponeses, onde as tropas chinesas debelam o levante com força. O mesmo acontece em Cantão (província sino-lusitana), onde os rebelados tomam a cidade. A partir daí, por todo o país se estabelecem milícias de camponeses e proletários que começam a lutar contra o governo posto. Foi com o fim da segunda guerra que houve uma efetividade no movimento comunista, o qual passou a dominar o norte da China e em 1949, Xangai, Nanquim e Cantão estavam totalmente sob o domínio de milícias. Em 1º de outubro de 1949, Mao declara a República Popular da China, sob a lápide de aproximadamente duzentos e cinquenta mil mortos.
23 de outubro de 1956, cansados do jugo soviético e das exigências do proto governo húngaro, o povo se levanta e exige a saída de todo e qualquer aparato militar Russo bem como a troca de governante. Tal ato se iniciou com uma passeata de estudantes que ia do centro de Budapeste até o parlamento, gerando uma revolta pelo país todo. Milícias foram formadas, o governo renunciou e demonstrou a intenção de abandonar o Pacto de Varsóvia, o qual prendia o país à União Soviética. Em 04 de novembro do mesmo ano, o exército vermelho invadiu a Hungria e massacrou a revolta. Houve resistência até 10 de novembro, quando efetivamente foi estancado o levante. Aproximadamente vinte e cinco mil húngaros morreram resistindo.

26 de julho de 1953, milícias lideradas por Fidel Castro e seu irmão Raul atacam o Quartel de Moncada e Bayamo, onde são presos por pouco mais de três anos. Após planejar e se unir a outras forças rebeldes, em 02 de dezembro de 1956 um grupo armado iniciou uma caminhada na tentativa de lutar contra o governo de Fulgencio Batista, sendo suprimida pelo exército cubano. Entrincheirados em Sierra Maestra, em 21 de agosto de 1958, o grupo de Fidel e Che Guevara inicia um movimento de vitórias contra o exército, tomando as cidades do sul, indo ao norte da ilha. Em 02 de janeiro de 1959, Che Guevara entra em Havana, Fidel chega no dia 08 à cidade. O regime batista é expurgado, deixando três mil mortos pelo caminho.

.

Autor: sinfoniaesol

A vida deve ser vivida intensamente. Sempre foi esse o meu lema.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s