E os ingleses decidiram sair…e David Cameron também diz que vai sair. Texto Visão online

lamentos de Merkel e Hollande

Mundo

24.06.2016 às 13h40

© Hannibal Hanschke / Reuters

Donald Trump diz ter ficado “muito feliz” por ver que os britânicos “recuperaram o seu país”. As principais reações ao Brexit lá por fora

À chegada à Escócia, que votou massivamente pela continuidade do Reino Unido na União Europeia, Donald Trump falou na saída decidida pelos britânicos como um acontecimento “histórico”. Já Angela Merkel e François Hollande lamentaram este desfecho, enquanto os líderes das principais instituições da União Europeia pedem que o processo se conclua “o mais rapidamente possível”.

Angela Merkel, chanceler alemã: “Não há volta a dar. É um golpe para a Europa. O que acontecer nos próximos dias, meses, anos, vai depender do que nós – os restantes 27 membros – formos capazes de fazer e estivermos dispostos a fazer. Os desafios são enormes. Precisamos de garantir que os europeus sentem que a União Europeia quer melhorar as nossas vidas. Esta é a missão da União Europeia e de todos os Estados-membros.”

François Hollande, Presidente francês: “O voto dos britânicos põe a Europa à prova. É uma escolha profundamente dolorosa, mas que é preciso respeitar. A Europa não pode continuar a atuar como até aqui. Deve concentrar-se no essencial, ser portadora de projetos e não perder-se em procedimentos.”

Comunicado conjunto dos quatro líderes europeus, Jean-Claude Juncker (Comissão Europeia), Donald Tusk (Conselho Europeu), Martin Schulz (Parlamento Europeu) e Mark Rutter (presidência rotativa holandesa da EU): “Esperamos agora que o Reino Unido dê cumprimento à decisão do povo britânico o mais rapidamente possível, por muito doloroso que o processo possa ser. Qualquer atraso só prolongaria desnecessariamente a incerteza.”

Donald Trump, provável candidato republicano à presidência dos EUA: “É fantástico, histórico. Estamos muitos felizes. É o mesmo que está a acontecer nos Estados Unidos. O povo está chateado porque há pessoas a chegarem de fora e a quererem controlar o país sem ninguém dar por isso. Basicamente, eles recuperam o seu país.”

Autor: sinfoniaesol

A vida deve ser vivida intensamente. Sempre foi esse o meu lema.

1 thought on “E os ingleses decidiram sair…e David Cameron também diz que vai sair. Texto Visão online”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s