A Liberdade é Poesia
É o renascer, a revolução
Do Poeta que grita a vida
Que canta com o coração
É a liberdade de expressão
Como uma palavra cantada
Que se funde em cada nota
Que no fim se dilui em cada refrão
É a liberdade de viver em pleno e intensamente
Apagando do dicionário a palavra “não”
Seja a rir ou a chorar
O poeta revoluciona a vida a cantar
Seja imaginação ou fantasia
O poeta renasce sempre das cinzas para voltar a cantar
Liberdade é ser um poeta da vida
O porta-voz do Mundo ou de uma nação
Um poeta canta, grita e escreve libertando-se com toda a sua
força e garra
Vindo de todo o seu coração
(Eduardo M. Fabian – Pseudónimo de Inês Nabais in ” A Sombra e o Sonho de Eduardo – 2014)