VIVER…MORRER!!!

Há, normalmente uma grande alegria quando nasce

uma criança!!!

Começa aí a sua caminhada para a vida, que nunca

se sabe o tempo de duração…

Também não se sabe se irá ser muito feliz ou não…

Normalmente acontece um pouco de cada coisa!

Mas a vida é um livro em branco…e sempre se

encontra muita interrogação, sobre casos, pessoas,

que se colocarão no nosso caminho…e muitas das

vezes não sabemos como nos situar…

Nunca é fácil percorrer o tempo da vida…

Mas a nossa geração está a passar por algo que já

se passou noutras épocas…uma epidemia!…

Agora o nosso “tempo de vida” nos interroga de

uma outra maneira…

E a morte que é sempre o final de tudo…e que

coloca um fim, em muita coisa que preencheu a

nossa vida,( e algumas que nos abalaram bastante,)

nos reduz a quê?
Um punhado de cinzas…crematório…

Um bocado de terra lançada sobre o nosso caixão,

e um tempo em que os vermes comerão a nossa carne.

Não esquecer este certo final, nos daria uma dimensão

sofre a forma de viver “o tempo que nos foi destinado”.

Irene Alves

2022-01-10